O que é espectroscopia e para que serve?

Você já deve saber que nós da Bionexus respiramos inovação e tecnologia, não é? E para trazer o melhor em ciência aplicada na área de instrumentação, uma das técnicas de engenharia que utilizamos é a espectroscopia.

E o que é?

Se fizermos uma breve pesquisa na internet, vamos encontrar a definição: A espectroscopia é o estudo da interação entre a radiação eletromagnética e a matéria [1]. Isso significa que qualquer matéria, desde alimentos como leite, água, café, cerveja, vinho e outros líquidos ou sólidos, por exemplo, interagem com ondas eletromagnéticas, tais como a luz e a eletricidade. Essa interação é perceptível através de algumas variações nos parâmetros da onda.

O termo espectro se refere a faixa de comprimentos de onda da radiação eletromagnética. De alguma forma, tudo o que existe emite uma vibração e a partir desta constatação, a ciência desenvolve sistemas que interagem com esse princípio para enviar e obter informações, muitas vezes, de forma simples, prática e com baixo custo.

Na figura abaixo, estão ilustrados os tipos de radiação eletromagnéticas conhecidos, os elementos que operam nas faixas e a proporção do comprimento de onda que cada um possui. Veja que interessante a pequena faixa que representa a radiação eletromagnética visível pelo olho humano (Visible Spectrum), ou seja, a região das cores da luz que enxergamos, e que são apenas essa estreita faixa neste amplo mundo das radiações espectrais.

Cada variedade de radiação tem sua própria freqüência, o que lhe confere sua própria “assinatura”. Essas ondas incluem rádio, micro, infravermelho, visível, ultravioleta, raios X e raios gama. Por exemplo, uma onda de rádio é usada para enviar sinais a dispositivos como um rádio AM para ouvir uma transmissão ou música. Fonte: ComputerHope.com

Como isso é utilizado?

O princípio se baseia em emitir um ou mais tipos de onda eletromagnética em um elemento, e, devido as interações com os constituintes do elemento, como elétrons, prótons e íons presentes na matéria, alterações ocorrem nas suas características como resposta a presença das ondas. Dentre as principais, estão mudanças na frequência, amplitude, fase e formato de onda [2]. Ao medir-se esta nova onda distorcida é possível fazer a análise e encontrar correlações em aplicações práticas.

A espectroscopia é crucial em praticamente todos os campos da ciência e tecnologia. É possível encontrar este artifício na física, química, astronomia, biomedicina, engenharia de alimentos, aeronáutica e diversas outras. Você sabia que o equipamento de diagnóstico de imagem por ressonância magnética, por exemplo, se baseia na espectroscopia de radiofrequência de ondas magnéticas que interagem com o núcleo das células do nosso corpo [3]?

Onde encontrar?

Como falamos, a espectroscopia está presente em muitas áreas. Então, desde o seu celular, o sinal da TV, a luz do sol, equipamentos médicos, analisadores de alimentos e muitos outros que estão presentes no seu dia-a-dia aplicam os conceitos desta ciência para proporcionar diversos benefícios.

E aqui na Bionexus nós usamos essa tecnologia para análise de alimentos e outras aplicações científicas, incluindo o Milkspec, nosso produto para realizar análise de parâmetros da qualidade do leite através da espectroscopia de impedância elétrica. Essa ténica de espectroscopia é inovadora no mercado de leite que está acostumado com as técnicas por infravermelho e ultrassom. No método por impedância, é possível determinar diversos parâmetros da qualidade e composição do leite de maneira muito mais barata e com a mesma confiança [4].

E agora, ficou mais fácil compreender um pouco mais sobre essa poderosa tecnologia?

Conte conosco! Somos a família Bionexus fazendo ciência aplicada em favor do seu sucesso!

Referências

[1] Crouch, Stanley; Skoog, Douglas A. (2007). Principles of instrumental analysis. Australia: Thomson Brooks/Cole. ISBN 978-0-495-01201-6.

[2] Carvalho, Liliane A. de, Andrade, Adalgisa R. de, & Bueno, Paulo R.. (2006). Espectroscopia de impedância eletroquímica aplicada ao estudo das reações heterogêneas em ânodos dimensionalmente estáveis. Química Nova, 29(4), 796-804. https://dx.doi.org/10.1590/S0100-40422006000400029 Acessado em 14 de maio 2021.

[3] Stoner, J. Oliver; Hurst, George Samuel; Graybeal; Jack D. and Chu, Steven. (Multiple revisions). Spectroscopy. Encyclopedia Britannica. https://www.britannica.com/science/spectroscopy Acessado em 14 de maio 2021.

[4] Veiga, Emiliano A. (2020). CCS, mastite e metodologias de análise. Brasil: Bionexus. https://www.bionexus.com.br/site/ccs-mastite-e-metodologias-de-analise/ Acessado em 14 de maio 2021.

Leonardo Montibeller

Engenheiro de Controle e Automação de formação e professor por paixão. Divulgador e defensor científico. Pai do João. Vive pela troca de ideias com outras pessoas. Gosta de bicicletas ao invés de carros.

WeCreativez WhatsApp Support
Estamos disponíveis através do WhatsApp!
👋 Olá! Seja bemvindo(a)!